SEJA BEM VINDO

H1



H2



H3



H4



Notícias

RSS Feed - Notícias - Mantenha-se Informado


05/12 - VÍDEOS: TEM Notícias 2ª edição de Bauru e Marília desta quinta-feira, 5 de novembro
Assista aos vídeos do telejornal com notícias do Centro-Oeste Paulista. Assista aos vídeos do telejornal com notícias do Centro-Oeste Paulista.
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: EPTV 2 Piracicaba desta quinta-feira, 5 de dezembro
Veja as notícias das regiões de Piracicaba e Campinas. Veja as notícias das regiões de Piracicaba e Campinas.
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: PITV 2 de quinta-feira, 5 de dezembro de 2019
Veja Mais

05/12 - Pintor é morto na frente da casa do tio na Grande Natal; bandidos dispararam mais de 20 vezes
Wisley Richerlly Medeiros de Carvalho, de 27 anos, morreu na calçada da casa do tio após quatro bandidos atirarem contra ele. Crime aconteceu em São José de Mipibu. Pintor foi morto em São José de Mipibu Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi O pintor Wisley Richerlly Medeiros de Carvalho, de 27 anos, foi assassinado no início da noite desta quinta-feira (5) na frente da casa de um tio, em São José de Mipibu, região Metropolitana de Natal. Foram disparados mais de 20 tiros contra o rapaz, mas a perícia ainda vai ser feita para determinar quantos o atingiram. O crime aconteceu na Rua Pedro Ferreira, no bairro Tancredo Neves. Wisley foi à casa do tio para lhe entregar um compressor de tinta. Quando ainda estava na calçada, quatro criminosos encapuzados chegaram em um carro e dispararam mais de 20 vezes contra ele. Wisley morreu no local. Um amigo estava com ele ele na moto, mas não foi atingido pelos disparos. A moto em que ele estava ficou com várias marcas dos tiros. O pintor deixa um filho de 9 anos de idade. O Instituto Técnico Científico de Perícia do RN (Itep) foi acionado para o recolhimento e análise do corpo. A Polícia Civil vai investigar o caso.
Veja Mais

05/12 - Gravações telefônicas revelaram a promotores do Gaeco esquema dentro do Detran em MG
Dezesseis pessoas foram presas durante a "Operação Êxodo", deflagrada nesta quinta-feira (5) em Varginha e Elói Mendes. Gravações telefônicas ajudaram MP a descobrir esquema de propina no Detran Gravações telefônicas revelaram aos promotores do Gaeco, o Grupo de Atuação Especializada em Combate ao Crime Organizado, do Ministério Público, como agiam funcionários do Detran e despachantes em Varginha e Elói Mendes (MG). Dezesseis pessoas foram presas durante a "Operação Êxodo", deflagrada nesta quinta-feira (5). Durante dois anos, as investigações apontaram um esquema de propina. Entre os investigados estão o delegado de trânsito de Varginha, Antônio Carlos Buttignon. Os investigadores Régis Fernandes da Costa, Elincarlos Lopes Moura, o Elin e Cosme Silva de Paula. Além deles, o funcionário da prefeitura, Luiz Carlos Penha, o Carlão, também foi detido. Ele é cedido pelo município para o Detran. As outras pessoas presas são funcionários ou donos de despachantes em Varginha e Elói Mendes. "Haveria exemplificadamente recebimento de propina por parte de um deles para favorecer as investigações que envolviam os desmanches de veículo. Por parte de outro haveria o recebimento de propina para acelerar o procedimento de inspeção de documentos ou para não realizar e apenas atestar as vistorias, para permitir que as vistorias, os emplacamentos fossem realizados fora do ambiente do Detran", disse o coordenador do Gaeco, Igor Serrano Silva. Vistoria em veículos era feito fora de órgão credenciado em Varginha (MG) Reprodução/EPTV Durante a tarde, os 16 suspeitos foram ouvidos no Fórum de Elói Mendes. Como as investigações estavam sob sigilo de justiça, advogados aguardavam autorização para ter acesso aos autos do processo. O esquema As investigações apontaram que veículos de leilão eram reaproveitados e os dados deles eram adulterados para que o dono pudesse ter vantagem. "A partir da remontagem desses veículos, eles contando aí com o apoio e participação de integrantes da Polícia Civil, que exercem as suas funções no Detran de Varginha, eles conseguiam retirar o sinistro que estava no documento. E com isso, a parte que havia adquirido o veículo no leilão conseguia revender o veículo como se fosse um veículo normal, que jamais tinha sido batido e, com isso, aumentavam o lucro da organização criminosa”, explicou o promotor Daniel Ribeiro Costa. Flagrantes mostram que funcionários do Detran ou os próprios despachantes faziam as vistorias de veículos fora do pátio da Polícia Civil, o que é proibido. Em alguns casos, nem vistoria tinha. "Criar a dificuldade para vender a facilidade. O despachante consegue mais rápido, o despachante consegue sem levar no Detran, o despachante emplaca na casa, o despachante faz o serviço mais confortável para o usuário, que às vezes não sabe que isso está sendo feito desta forma porque ele está pagando embutidamente uma propina", disse o coordenador do Gaeco. Operação do Ministério Público investiga corrupção em vistoria de veículos em MG Reprodução/EPTV Uma mulher passou mal e precisou ser amparada. Também foram cumpridos 21 mandados de busca e apreensão. Computadores e outros materiais também foram recolhidos. “Durante o cumprimento dos mandados de busca, algumas coisas ilícitas foram encontradas. Foram encontradas armas de fogo, de calibre permitido e restrito, e drogas”, detalhou o promotor André Vasconcelos. A operação denunciou um forte esquema não só de facilitação de serviços, mas também de não investigação de crimes a troco de propina. Pessoas que pagaram propina aos despachantes também podem ser investigadas. "Os que não sabem têm que tomar ciência disso, por isso é importante a divulgação. E os que sabiam podem ser responsabilizados por corrupção ativa", disse Igor Serrano. Presos foram levados para a delegacia de Varginha (MG) Reprodução EPTV Interceptações telefônicas Durante os mais de dois anos de investigações, o Ministério Público teve autorização judicial para fazer interceptações telefônicas e as conversas entre despachantes e servidores públicos foram fundamentais para desvendar o esquema de corrupção e chegar aos nomes dos suspeitos. A EPTV Sul de Minas, afiliada Rede Globo, teve acesso aos registros telefônicos. Em uma das ligações, Renato, um despachante, fala com um possível cliente sobre a vistoria de uma moto, em Elói Mendes. O despachante conta que é melhor fazer a vistoria em Varginha e cita o pagamento. - Renato: Não, assim, pra fazer a vistoria, vinte e cinco mais vinte, igual eu te falei, é trezentos e sessenta, trezentos e quarenta, mas cê não leva a moto lá em Varginha. Agora, se você quiser que leva a moto lá em Varginha duas vezes, cê vai economizar quarenta. Aí, cê fica, gasta 300 reais. - Cliente: Mas pra, mas por quê que tem que levar duas vezes? Cê não faz aqui, vistoria aqui? - Renato: Então, eu faço aqui, só que eu tô te cobrando quarenta reais a mais, é pra pagar os vistoriador, entendeu? - Cliente: Ah, entendi. - Renato: Que aí eles me dá o lacre e eu faço aqui em Elói Mendes. Eu faço a vistoria aqui em Elói Mendes, mas eles cobram. Tudo eles cobram. Ministério Público realiza operação com alvos em delegado e integrantes da Polícia Civil em MG Thiago Luz/EPTV Outro áudio mostra um despachante conversando com a funcionária da própria empresa. A funcionária vai comentar sobre valores da suposta propina e o despachante mostra receio ao tratar daquele assunto por telefone. - Simone Pala, auxiliar de despachante: Ari? Eu, eu man.. tem uns documentos aí com nome de Eládio, que eu pedi pro cê 'coisá'. - Ariovaldo Cardoso, despachante: Aham, procurei e não achei. - Simone: E o outro que eu coloquei o nome, o nome do outro Rogério. - Ariovaldo: Rogério de quê? - Simone: Eu anotei junto com o do Eládio aí, ó, pro cê pedir pra fazer urgente aí pra ele. Ele, ele mandou dar cem reais pra fazer pra ele hoje. - Ariovaldo: Não fala esse trem por telefone não, menina, pelo amor de Deus. Pelo suposto esquema de corrupção, os investigados devem responder por pelo menos sete crimes: receptação qualificada, corrupção ativa e passiva, usurpação de função pública, falsidade ideológica, inserção de dados falsos em sistema de informação, falsidade ideológica e organização criminosa. O que dizem as defesas dos suspeitos O advogado de defesa do delegado Antônio Carlos Buttignon, Juliano Comunian, disse que ainda não teve acesso aos autos do processo. Mas que o juiz atendeu a um pedido da defesa e concedeu prisão domiciliar por causa de tratamento médico. Já o advogado Gustavo Chalfun, que defende o investigador Cosme Silva de Paula, afirmou que vai tentar um habeas corpus para a liberdade provisória do suspeito. As defesas dos investigadores Régis Fernandes da Costa, Elincarlos Lopes Moura e do funcionário da prefeitura, Luiz Carlos Penha, não foram encontradas. Os donos e funcionários de despachantes foram levados para o presídio de Varginha. Já os investigadores estão sendo levados para a Casa de Custódia da Polícia Civil, em Belo Horizonte. Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Veja Mais

05/12 - Policiais e bombeiros protestam contra pacote de reformas do governo do RS
Servidores da segurança pública pedem a retirada do projeto da Assembleia Legislativa. Principais críticas recaem sobre a contribuição da Previdência. Servidores da área da segurança pública protestaram contra o pacote do governo do RS Reprodução / RBS TV Servidores da área de segurança pública do estado protestaram, ao longo desta quinta-feira (5), em Porto Alegre, contra o pacote de medidas do governo que visa mexer nas carreiras dos servidores. As manifestações reuniram policiais militares e bombeiros, aposentados e também da ativa, para fazer uma série de reivindicações. As duas categorias querem a retirada total dos projetos da pauta de votação da Assembleia Legislativa, principalmente o que muda as regras da Previdência Social. Segundo as lideranças, com a aprovação das regras para aposentadoria dos militares no Senado, nesta quarta (4), o projeto do governador Eduardo Leite seria, portanto, inconstitucional. "A apresentação da tabela de subsídios que está aquém do hoje existente dos servidores, a promoção para a reserva que está também assegurada na lei federal, e também estamos discutindo as alíquotas que hoje o governo quer atribuir aqui no estado e é da competência da União", cita José Clemente Corrêa, presidente da Associação Beneficente Antonio Mendes Filho. "Todos os militares do Brasil, militares federais, pagaram a mesma alíquota. Compete à União, e o governo aqui encaminha uma alíquota superior à atual. Isso vai contrariando a própria norma federal, essa é a nossa contrariedade. Não entrando no mérito, mas, sim, na questão constitucional", acrescenta Ubirajara Ramos, presidente da Associação de Bombeiros do Estado do Rio Grande do Sul. A concentração começou no Centro da Capital, próximo ao quartel onde fica o comando da Brigada Militar. A manifestação aumentou com a chegada de caravanas de policiais do interior do estado. Eles saíram em caminhada pelo Centro, e foram recebidos pelo comandante geral. Depois, a caminhada seguiu até o Palácio Piratini, sede do governo, onde policiais e bombeiros fizeram um minuto de silêncio em homenagem a colegas mortos no trabalho. O ato passou a contar com a participação de deputados contrários às medidas do governo. Bombeiros e policiais militares também criticam outros pontos do pacote do governo. Veja alguns: A remuneração passa a ser paga pelo sistema de subsídio estabelecido em uma tabela pré-definida Os valores começam pelo soldado de nível três (R$ 4.689,23) e chegam ao comandante-geral e ao coronel (R$ 27.919,16) O risco de vida dos militares passa a ser calculado sobre o salário-base Fim das gratificações Fim dos adicionais por tempo de serviço Pagamento de horas extras passa a ser opcional, podendo ser substituído por folga Se os projetos continuarem na pauta e o governo mantiver o regime de urgência, a votação deve acontecer entre os dias 17 e 19 de dezembro. Depois, a Assembleia entra em recesso. Já a proposta de emenda constitucional que altera as regras da Previdência deve ficar para janeiro, porque precisa ser votada em dois turnos.
Veja Mais

05/12 - Obras de contenção de rejeitos em caso de rompimento de barragem da Vale são paralisadas em Minas Gerais
Um morro estaria impedindo a realização do empreendimento que seria emergencial. A Barragem Sul Superior está em nível três de emergência, risco iminente. O Ministério Público Estadual investiga os impactos da paralisação de obras da Vale para contenção de rejeitos em caso de rompimento da Barragem Sul Superior, em Barão de Cocais, na Região Central de Minas Gerais, que está em nível três de emergência, que significa risco iminente de rompimento. A mineradora derrubou propriedades particulares em André do Mato Dentro, distrito de Santa Bárbara, que fica perto da estrutura, e devastou área de mata virgem. Porém, o trabalho foi paralisado por causa de um morro. Moradores da região tiveram que aceitar a entrada de máquinas e operários por ordem da Justiça em maio deste ano. A decisão atendeu ao pedido da empresa, quando o monitoramento apontou que o talude, vizinho à barragem, estava cedendo. Barragem Sul Superior da Vale em Barão de Cocais corre o risco de se romper Reprodução/TV Globo A Vale projetou a construção de grandes cavas para tentar controlar o caminho por onde a lama de rejeitos passaria e reduzir a quantidade de pessoas atingidas em Barão de Cocais. Porém, no meio do caminho tem um morro. Estudos de engenharia da própria Vale concluíram que não há como contorná-lo. Operários e máquinas foram retirados e só ficou a devastação. “Era uma área muito preservada de mata atlântica, com árvores de certo porte, muito fechada, era um lugar muito bonito”, disse a ambientalista Maria Teresa Corujo. Barragem Sul Superior Infográfico: Juliane Monteiro e Karina Almeida/G1 Alerta No início de fevereiro, as sirenes da Vale foram acionadas pela primeira vez na cidade, depois que a consultoria contratada pela empresa se negou a dar laudo de estabilidade. A Agência Nacional de Mineração tinha determinado a retirada de 239 moradores das comunidades de Socorro, Tabuleiro e Piteiras. Em março, a barragem entrou em alerta máximo. As sirenes foram acionadas mais uma vez quando o nível de emergência passou de dois para três. Caráter emergencial A mineradora declarou que os primeiros estudos apontaram a viabilidade da obra, que foi iniciada por ser emergencial. Mas que novas análises indicaram que o solo faria que o tempo de trabalho fosse mais longo que o previsto. Isso fez com que a Vale interrompesse a obra. A empresa diz, também, que fez acordo com sete dos dez proprietários locais, que receberam valor integral pela venda dos imóveis. Outros três estão em negociação. A mineradora disse ainda que a área já está passando por recuperação ambiental. O Ministério Público Estadual informou que está analisando os documentos apresentados pela mineradora e que propôs ação de indenização dos danos causados aos atingidos. Já a Secretaria Estadual de Meio Ambiente explicou que, se for constatado que as obras não tinham caráter emergencial, vai autuar a Vale por operar sem licença.
Veja Mais

05/12 - Tamanduá-mirim é resgatado em casa de condomínio de luxo em Búzios, no RJ
Segundo a Guarda Marítima, animal estava com ferimentos nas patas dianteiras e foi encaminhado para uma clínica veterinária nesta quinta-feira (5). Tamanduá é resgatado em Búzios, no RJ Guarda Marítima Ambiental de Búzios/ Divulgação Um tamanduá-mirim foi resgatado em uma casa que fica em um condomínio de luxo em Búzios, na Região dos Lagos do Rio, na manhã desta quinta-feira (5). Animal estava dentro de uma casa em Búzios, no RJ Guarda Marítima Ambiental de Búzios/ Divulgação Segundo a Guarda Marítima Ambiental da cidade, foram os caseiros que acionaram os agentes da guarda para resgatar o animal. Tamanduá-mirim foi resgatado por equipes da Guarda Marítima de Búzios, no RJ Guarda Marítima Ambiental de Búzios/ Divulgação O tamanduá-mirim estava com ferimentos nas patas dianteiras e foi encaminhado para uma clínica veterinária. Segundo a guarda, ele vai passar por exames e ficará em observação até que possa voltar para o seu habitat natural. Tamanduá-mirim resgatado em Búzios, RJ, foi levado para uma clínica veterinária Guarda Marítima Ambiental de Búzios/ Divulgação A guarda informou que moradores e turistas podem acionar os agentes para resgate de animais de qualquer espécie pelo telefone (22) 2623-0196. *Estagiária sob a supervisão de Aline Rickly. Veja outras notícias da região no G1 Região dos Lagos.
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: EPTV 2 Sul de MG de quinta-feira, 5 de dezembro
Assista aos vídeos do telejornal com as notícias da região. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias da região.
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: BATV de quinta-feira, 5 de dezembro de 2019
Assista o telejornal com as notícias da Bahia. Assista o telejornal com as notícias da Bahia.
Veja Mais

05/12 - Rio Claro soma 777 acidentes de trânsito na área urbana com 10 mortes em 10 meses, diz Infosiga
Levantamento traz locais, horários e dias da semana em que ocorreram mais acidentes. Excesso de veículos, quarteirões curtos e ruas estreitas favorecem acidentes em Rio Claro O município de Rio Claro (SP) registrou 777 acidentes de trânsito na área urbana de janeiro a outubro de 2019, de acordo com o Infosiga, um levantamento realizado pelo governo do estado. No total, 10 pessoas morreram. O período com maior número de acidentes foi entre 12h e 18h, em que ocorreram 302 acidentes. Os horários mais críticos foram entre 13h e 14h; e 18h e 19h, com 61 acidentes registrados em cada. O dia da semana mais crítico, segundo o estudo, foi quarta-feira, com 132 acidentes. Rio Claro tem 777 acidentes de trânsito na área urbana em 10 meses, segundo Infosiga. Reprodução/EPTV Pontos perigosos no município Alguns trechos da cidade registraram uma quantidade alta de acidentes. Confira: Cruzamento da Rua 6 com a Avenida 18 - 2 acidentes Rua 4 - 2 acidentes Esquina da Avenida 13 com Marginal - 2 acidentes Avenida José Feliciano Castelo - 2 acidentes Avenida 52 A - 1 acidente fatal De acordo com o levantamento, o município teve uma média de 2,5 acidentes por dia. Dados do Infosiga sobre horários de acidentes de trânsito em Rio Claro (SP). Reprodução/EPTV O secretário de Trânsito de Rio Claro, Marco Antonio Bellagamba, disse que a cidade tem características que favorecem os acidentes de trânsito. "Nós temos ruas estreitas, quarteirões curtos e uma proporção de veículo por habitante de quase um para um. São 204 mil habitantes para uma frota de 188 mil veículos", disse. Para Bellagamba, essa proporção causa o excesso de veículos transitando nas ruas. A prefeitura tem investido em sinalizações, equipamentos e educação no trânsito na tentativa de diminuir a quantidade de acidentes. Veja mais notícias da região no G1 São Carlos e Araraquara.
Veja Mais

05/12 - Idoso é socorrido após sofrer picadas de abelha dentro de casa em bairro de Araçatuba
Santa Casa informou que não foi possível contar a quantidade de picadas, mas que elas se concentraram nos olhos, rosto, cabeça, orelha, boca e ombros. Vítima está internada em estado estável. Um idoso de 71 anos precisou ser socorrido após levar diversas picadas de abelhas no bairro Morumbi, em Araçatuba (SP), na tarde desta quinta-feira (5). De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima foi atacada pelos insetos dentro da casa onde mora, na rua Tereza de Souza Costa. Após vizinhos acionarem os bombeiros, ela foi levada para a Santa Casa com dificuldades para respirar. Em nota, o hospital informou que não foi possível contar a quantidade de picadas, mas que elas se concentraram nos olhos, rosto, cabeça, orelha, boca e ombros. A Santa Casa também informou que os ferrões das abelhas foram retirados do corpo da vítima, que foi medicada, passará por exames e continuará em observação. O estado de saúde do idoso é estável. Veja mais notícias da região em G1 Rio Preto e Araçatuba
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: RJ2 TV Rio Sul de quinta-feira, 5 de dezembro
Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Sul do Rio de Janeiro e Costa Verde. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Sul do Rio de Janeiro e Costa Verde.
Veja Mais

05/12 - Déficit da prefeitura do Rio em 2019 pode ser o maior desde que Crivella assumiu município, diz vereador
Paulo Messina,que já foi secretário da prefeitura, disse que déficit vai chegar no final de ano em mais de R$ 3 bilhões. Prefeitura diz que projeções são atualizadas e vai pagar 13° até 20 de dezembro. Especialista em gestão ouvido pelo RJ2 aponta falhas nos investimentos. Dinheiro da prefeitura do Rio está acabando cada vez mais cedo Com falta de dinheiro em caixa, o déficit da Prefeitura do Rio em 2019 pode ser o maior desde que Marcelo Crivella assumiu o cargo, como mostrou o RJ2 desta quinta-feira (5). A TV Globo teve acesso ao saldo da Prefeitura e mostrou que a situação financeira do município se agrava. Em 2019, o caixa já aparece no negativo entre agosto e setembro. A previsão era fechar o ano com receita de R$ 30,6 bilhões, segundo as contas feitas pelo ex-secretário da Casa Civil do município, o vereador Paulo Messina. "O déficit da Prefeitura hoje vai chegar no final de ano em mais de R$ 3 bilhões, só de 2019". O economista Daniel Souza, especialista em gestão, disse que há falhas. "Significa que a prefeitura ficou absolutamente sem capacidade de pagar as suas despesas e aí ela começa a incorrer em atrasos. Na prática, não houve um gerenciamento de fluxo de caixa, ou seja, de receitas e despesas para que as despesas pudessem ser cobertas da maneira correta dentro dos prazos devidos." Souza diz que é necessário mais do que implantar medidas estruturantes para garantir a saúde fiscal do município. "O que a gente pode observar é que o fluxo de caixa da prefeitura não teve o cuidado adequado do ponto de vista de gestão. Você precisa buscar fontes extras de recursos junto ao estado, junto à União, e tentar preservar o caixa da prefeitura sem utilizá-lo de forma tão rápida já nos primeiros meses do ano, complicando o fluxo de pagamentos mais pro final do ano." Um dos efeitos é o atraso do pagamento do décimo terceiro salário dos servidores. Normalmente, a primeira parcela era paga em novembro, embora a lei permita que o pagamento seja feito até o dia 20 de dezembro. A Prefeitura do Rio prometeu pagar os salários até esta data. Na opinião do vereador que já esteve do lado do governo municipal, o prefeito gastou além do que poderia. "Ele tem que focar nas prioridades e não gastar no supérfluo, que é o que a população precisa. Se não o que vai acontecer é colapso do serviço público: coleta de lixo parando, salário de servidor atrasado, 13º já não pagou a primeira parcela e já está atrasada. É salário de servidores da saúde sem pagamento, clínicas fechando, hospitais. Enfim, é colapso." O que diz a prefeitura? A Prefeitura diz que segue a Lei de Responsabilidade Fiscal e que realiza projeções a cada bimestre de receitas e despesas para eventuais ajustes.
Veja Mais

05/12 - Manifestantes se reúnem na Avenida Paulista para protestar contra o governo de Bolsonaro
Participantes do protesto também exibiam faixas e cartazes contra a declaração do ministro da Economia Paulo Guedes que cogitou reedição de AI-5. Manifestantes protestam contra fala de Paulo Guedes que cogitou reedição de AI-5 Abraão Cruz/TV Globo Manifestantes se reuniram na tarde desta quinta-feira (5) na Avenida Paulista, na região Central de São Paulo, em protesto contra o governo do presidente Jair Bolsonaro. Os participantes também exibiram faixas e cartazes contra a declaração do Ministro da Economia Paulo Guedes que cogitou reedição de AI-5. Os participantes se concentraram na Praça do Ciclista e caminharam até o Museu de Arte Moderna de São Paulo (MASP). Às 18h30, eles ocuparam completamente a Avenida no sentido Paraíso. O ato foi organizado depois que ministro da economia Paulo Guedes disse a jornalistas no dia 25 de novembro em Washington (EUA), para não se assustarem caso alguém peça o AI-5, o mais duro ato da ditadura brasileira, diante de "quebradeira" nas ruas. Os manifestantes também reivindicaram contra o projeto de lei enviado ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro que prevê o excludente de ilicitude para agentes de segurança em operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO).
Veja Mais

05/12 - Justiça afasta pela segunda vez prefeito por suposto desvio de dinheiro público em MT
Na decisão, o juiz da Primeira Vara Cível de Comodoro, Marcelo Sousa Melo Bento de Resende, determinou também a quebra de sigilo fiscal e bancário do prefeito. Jeferson Ferreira Gomes (DEM), prefeito de Comodoro. Ascom/Comodoro A Justiça afastou, novamente, o prefeito de Comodoro, a 677 km de Cuiabá, Jeferson Ferreira Gomes, pelo período de seis meses, por conta da prática de ato de improbidade administrativa, consistente em desviar dinheiro público por meio de "empresa fantasma", juntamente com outras cinco pessoas, dentre elas o diretor executivo do Fundo Municipal de Previdência – Comodoro Previ, Gustavo André Rocha. Neste período o gestor está proibido de ingressar na sede do executivo municipal, nas secretarias, bem como de contatar servidores públicos municipais. A ação foi proposta pelo Ministério Público Estadual (MPE). O G1 tenta localizar a defesa dos envolvidos. Na decisão, o juiz da Primeira Vara Cível de Comodoro, Marcelo Sousa Melo Bento de Resende, determinou também a quebra de sigilo fiscal e bancário do prefeito, do diretor executivo do Comodoro Previ, da empresa individual criada para lesar o erário, S Weber Silva Laet, do proprietário da suposta “empresa fantasma”, o empresário Sérgio Weber Silva Laet, da empresária Nely Francisca da Silva – mãe de Sérgio Weber –, que tinha procuração para gerir a empresa, e de Leila Staut Romera Ribeiro, servidora pública estadual. Todos estes envolvidos, além da servidora pública municipal Aryadne Guilherme da Silva, também tiveram os bens bloqueados pela Justiça, em valores que variam de R$ 240 mil a R$ 100 mil. A Justiça também determinou a suspensão de todos os contratos entre a referida empresa e o município de Comodoro e o Fundo Municipal de Previdência – Comodoro Previ. “Importante ressaltar que é desnecessária a intimação do requerido para efeito do aludido afastamento, sendo que a presente decisão terá eficácia a partir da intimação da Procuradoria-Geral do Município na pessoa de qualquer dos procuradores. Intime-se o vice-prefeito para assumir, imediatamente, as funções do prefeito afastado”, destaca o magistrado na decisão. De acordo com a ação do MPE, a “empresa fantasma” teria sido constituída em 26/12/2016, às vésperas do início do mandato do prefeito, tendo como endereço Itiquira, a 359 km de Cuiabá; seu responsável (Sérgio Weber Silva Laet) tem domicílio cadastrado na Receita Federal na cidade de Campo Grande (MS); a empresa não possui estabelecimento comercial e nem colaboradores; o município e o Fundo de Previdência contrataram a empresa, desde 2017, para serviços que não foram prestados, o que foi constatado em auditorias. A empresa contratada, conforme a ação, nunca efetivou os serviços pelos quais fora contratada. Uma auditoria identificou um dano ao erário no importe de R$ 140 mil em relação ao contrato entabulado junto à Prefeitura de Comodoro, e de R$ 45.760,00 no que tange ao Comodoro Previ, que contratou a empresa por três vezes sem qualquer tipo de licitação. Esta é a segunda vez que o prefeito Jeferson Ferreira Gomes é afastado pela Justiça, somente neste ano. Ele responde a outras sete ações de improbidade administrativa e, inclusive, já foi condenado à perda do cargo.
Veja Mais

05/12 - Dois são presos em operação da PF que apura fraude de R$ 3 milhões no INSS em São José, SP
De acordo com a PF, uma quadrilha, com a ajuda de um funcionários do órgão da previdência, criava benefícios falsos como auxílios doença e aposentadorias. Polícia Federal faz operação contra fraudes em benefícios do INSS em São José Uma operação da Polícia Federal prendeu dois homens e cumpriu seis mandados de busca e apreensão nesta quinta-feira (5) após uma investigação que apura fraude de R$ 3 milhões no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em São José dos Campos (SP). De acordo com a PF, uma quadrilha, com a ajuda de um funcionários do INSS, criava benefícios falsos como auxílios doença e aposentadorias. Os envolvidos no esquema sacavam o dinheiro desses benefícios e repartiam entre o grupo criminoso. A investigação também apontou a criação de benefícios fraudulentos para pessoas que não teriam direito aos benefícios. O funcionário da agência do INSS seria responsável por criar falsos vínculos empregatícios em carteiras de trabalho e registrava nos sistemas do órgão da previdência. Os dois homens presos por meio de prisão preventiva são o funcionário da agência suspeito de integrar o esquema criminoso e um advogado especializado em atendimento previdenciário. A operação desta quinta é um desdobramento de outra operação realizada em agosto, quando três foram presos suspeitos de fraudar benefícios do INSS. A força tarefa do Ministério da Economia, que investiga este tipo de fraude, foi procurada, mas não respondeu até a publicação da reportagem. Funcionário do INSS de São José dos Campos foi preso em operação suspeito de integrar esquema de fraudes Reprodução/ Street View
Veja Mais

05/12 - Caesa inicia negociação de dívidas com moradores de conjuntos habitacionais em Macapá
Prazo para negociação segue até 12 de dezembro e companhia oferta descontos. Conjunto habitacional Mucajá é um dos alvos da campanha de regularização Caio Coutinho/G1 Moradores dos conjuntos habitacionais Açucena, Mucajá e São José, todos em Macapá, têm até 12 de dezembro para aderir a um mutirão de renegociação de contas atrasadas de água. Para quitação dos valores, a Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) está oferecendo descontos e parcelamentos. Para negociar, o interessado deve comparecer nos setores de atendimento das agências na rede Super Fácil ou no escritório da companhia, que fica na Avenida Ernestino Borges, no bairro Central, nos horários de 8h às 12h e das 14h às 18h. Sede da Caesa fica no bairro Laguinho Victor Vidigal/G1 Para regularizar as pendências, o titular da conta pode ir pessoalmente ou enviar algum responsável, mediante a carteira de identidade e CPF. A ação visa combater o alto índice de inadimplência nos conjuntos, mas a companhia não detalhou número de devedores ou o valor da dívida. Após a semana de negociação, a Caesa começará a fazer os cortes no fornecimento do serviço, numa ação entre 16 e 19 de dezembro. O usuário também poderá ficar com o nome negativado. Para ler mais notícias do estado, acesse o G1 Amapá.
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: AB2 de quinta-feira, 5 de dezembro
Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de Caruaru e Região. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de Caruaru e Região.
Veja Mais

05/12 - Vídeos: MG2 TV Integração Zona da Mata e Campo das Vertentes de quinta-feira, 05 de dezembro de 2019
Assista aos vídeos do telejornal com as notícias da Zona da Mata e Campo das Vertentes Assista aos vídeos do telejornal com as notícias da Zona da Mata e Campo das Vertentes
Veja Mais

05/12 - Peritos encontraram pelo menos 19 marcas de tiros no carro onde morreu o comediante 'Bunitinho'
Famoso nas redes, Diego de Farias Pinto foi um dos quatro mortos durante o confronto entre traficantes e policiais nesta quinta-feira (5). Nenhum dos mortos tinha ficha criminal. Bunitinho era conhecido entre os torcedores do Flamengo e famoso por protagonizar memes Reprodução/ Redes sociais Peritos da Polícia Civil encontraram pelo menos 19 marcas de tiros no carro onde o comediante Diego de Farias Pinto, conhecido como 'Bunitinho', foi encontrado morto, nesta quinta-feira (5), no Morro do Dendê, na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio. Os policiais não constataram disparos feitos de dentro do carro e não encontraram armas no veículo. Considerado um fenômeno nas redes sócias, o comediante foi morto durante um tiroteio entre traficantes e agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), que foram checar uma denúncia na comunidade. Além do humorista, outras três pessoas também morreram no mesmo local: Josselino de Oliveira Junior e Jorge Tadeu Sampaio, que eram empresários de Bonitinho, e Sidney Antunes Figueiredo, que era fiscal motociclista do BRT. Um PM também ficou ferido. Nenhum dos mortos tinha passagem pela polícia. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da capital, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade. As armas dos PMs que participaram da operação foram apreendidas para realização de confronto balístico. PM relata ataque Segundo a Polícia Militar, os agentes foram até a comunidade para checar uma informação do setor de inteligência da corporação sobre uma reunião de lideranças do crime. Ainda segundo a PM, houve um forte ataque por parte dos criminosos na chegada à comunidade, gerando confronto. Show no Dendê O comediante Diego Buiu, conhecido como ‘Bunitinho’ Reprodução 'Bunitinho' começou a fazer muito sucesso nas redes sociais com imitações e memes. Com o tempo, o comediante passou a fazer shows e a participar de eventos. Moradores do Morro do Dendê contam que, na última madrugada, 'Bunitinho' se apresentou na festa de aniversário do chefe do tráfico da comunidade: Marcos Vinicius dos Santos, conhecido como Chapola. Nesta quinta-feira (6), parentes e amigos de 'Bunitinho' estiveram no Instituto Médico Legal, mas ninguém quis dar entrevista. Amigos e artistas prestaram homenagens ao comediante nas redes sociais, entre eles o cantor Nego do Borel e a atriz Mel Maia.
Veja Mais

05/12 - Cobrador e passageiro ficam feridos e dois homens são presos após confusão em ônibus em SC; VÍDEO
Situação ocorreu no Ticen, em Florianópolis, nesta quinta-feira (5). Veículo iria para a Lagoa da Conceição. Cobrador e passageiro ficam feridos após confusão em ônibus na capital; dois são detidos Um cobrador e um passageiro de um ônibus coletivo de Florianópolis ficaram feridos após uma confusão dentro do veículo no final da tarde desta quinta-feira (5). Dois homens foram presos, segundo a Guarda Municipal. O caso ocorreu no Terminal de Integração do Centro (Ticen) por volta das 17h. Conforme a Guarda, a confusão começou depois que oito homens entraram no ônibus, que seguia para a Lagoa da Conceição. O grupo fez algazarra e discutiu com passageiros. O cobrador que ficou ferido foi agredido após tentar intervir. Muitos passageiros desceram do ônibus e exigiram que os homens saíssem. Homens presos após confusão em ônibus em Florianópolis GMF/Divulgação Parte do que ocorreu foi filmado. No vídeo, é possível ver um homem que grita e xinga ao entrar no ônibus, enquanto um passageiro sai com um carrinho de bebê. O homem inclusive joga vários objetos para fora do veículo. Ele sai do ônibus e são registradas agressões e empurra-empurra no próprio Ticen. A Guarda Municipal foi chamada e pediu que o grupo descesse do veículo. De acordo com o órgão, os homens não obedeceram e foram tirados à força do ônibus. Os dois que foram presos foram flagrados em vídeo agredindo o cobrador e o passageiro, segundo a Guarda Municipal. Os detidos foram levados para a 5ª Delegacia de Polícia da Capital. O cobrador e o passageiro feridos, além do motorista do ônibus, também foram à delegacia para relatar o que viram e sofreram. O G1 não conseguiu contato com a delegacia até a publicação desta reportagem. Veja mais notícias do estado no G1 SC
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: EPTV 2 Campinas de quinta, 5 de dezembro
Veja reportagens das regiões de Campinas e Piracicaba. Veja reportagens das regiões de Campinas e Piracicaba.
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: NSC Notícias de quinta, 5 de dezembro
Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de Santa Catarina. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de Santa Catarina.
Veja Mais

05/12 - Jovens acusados de espancar adolescente perto da Hípica, em Campinas, são condenados a prestar serviços comunitários
Pena foi determinada pelo juiz da 3ª Vara Criminal, Nelson Augusto Bernardes, na tarde desta quinta-feira (5). Caso ocorreu em setembro e cabem recursos às defesas dos envolvidos. Imagens mostram agressão a adolescente perto da Hípica, em Campinas Reprodução/EPTV O juiz da 3ª Vara Criminal de Campinas (SP), Nelson Augusto Bernardes, determinou na tarde desta quinta-feira (5) que os três jovens acusados de espancar um adolescente perto da Sociedade Hípica, em Campinas (SP), prestem quatro horas semanais de serviço comunitário por seis meses. Cabe recurso. O caso ocorreu em setembro e os três chegaram a ser internados em unidades da Fundação Casa do município. Depois disso, a Justiça concedeu liberdade assistida aos envolvidos. Um deles é filho de um advogado criminalista citado no processo. O caso Imagens registradas por câmeras de segurança na região do clube Sociedade Hípica de Campinas mostram como ocorreram as agressões, no dia 2 de setembro. Tudo teria começado porque a vítima deu um beijo em uma menina que é amiga da família de um dos suspeitos envolvidos. Em outro momento, as imagens também exibem que o advogado envolvido transportou os três até a casa da vítima e ainda acompanhou a ação dos suspeitos. Bernardes classificou que a vítima foi "brutalmente espancada" ao ser "abordada em emboscada". Momentos gravados por câmeras indicam veículo acompanhando ação de suspeitos Reprodução/EPTV Defesas O advogado Pedro Marcelino, que representa o jovem agredido, informou à EPTV, afiliada da TV Globo, que irá se manifestar posteriormente sobre a decisão. O defensor Alexandre Sanches Cunha afirmou que está tomando conhecimento sobre a sentença; enquanto que Rodrigo Almeida alegou não estar autorizado pela família do cliente para se posicionar. Já o advogado Daniel Bialski, que representa o terceiro envolvido, afirmou que buscará a absolvição do cliente. "A decisão reconheceu que a lesão corporal foi leve e conquanto não tenha reconhecido a legítima defesa da honra invocada por nós, deixou pontuado que existem indícios de injusta provocação . Inobstante o respeito para com o juiz prolator da decisão, recorreremos da sentença." Initial plugin text Veja mais notícias da região no G1 Campinas.
Veja Mais

05/12 - Barracas da Praia do Futuro têm vagas de emprego para diversos cargos
Alta estação aumenta movimentação nas praias de Fortaleza, e empresas disponibilizam vagas temporárias entre dezembro e fevereiro. Barracas da Praia do Futuro oferecem vagas de emprego temporário Kiko Silva/SVM As barracas da Praia do Futuro, um dos pontos mais visitados por fortalezenses e turistas, tem vagas de emprego temporário para diversos cargos que ainda não foram preenchidos. Conforme a presidente da associação dos empresários da praia, Fátima Queiroz, as empresas da Praia do Futuro abriram mais de 200 vagas para esta alta estação. Conforme Fátima, há oportunidades para garçom, barmen, cozinheiro, chefe de cozinha, auxiliar de barmen, auxiliar de cozinha e auxiliar de garçom. A estimativa da Secretaria do Turismo do Ceará é de que o estado deve receber quase 1,2 milhão de turistas nesta alta estação, entre dezembro e fevereiro do próximo ano. A maior parte deles viaja para Fortaleza e muitos visitam a Praia do Futuro, o que aumenta a demanda das barracas em até 30% no período.
Veja Mais

05/12 - Assista aos telejornais da TV Bahia
Assista aos telejornais da TV Bahia
Veja Mais

05/12 - Falta água em 8 bairros de João Pessoa nesta sexta-feira (6), diz Cagepa
Suspensão no fornecimento é para realização de inspeção nas estruturas do reservatório de distribuição R-21. Falta água em 8 bairros de João Pessoa, nesta sexta-feira (6) Reprodução Oito bairros de João Pessoa vão ficar sem água nesta sexta-feira (6). O serviço será interrompido a partir das 6h e a previsão é que o abastecimento seja retomado por volta das 17h. A suspensão no fornecimento, segundo a Cagepa, é para realização de inspeção nas estruturas do reservatório de distribuição R-21, localizado no bairro Funcionários II, na Capital. Falta de água em bairros de João Pessoa Funcionários (II, III e IV), Esplanada (I e II), Grotão, Jardim Sepol, Ernani Sátiro, João Paulo II, Costa e Silva, Geisel. A vistoria tem o objetivo de preservar a vida útil, segurança e volume da água distribuída na Região Metropolitana de João Pessoa. Mais informações podem ser obtidas gratuitamente pelo telefone 115, que também atende ligações de celular.
Veja Mais

05/12 - Reforma administrativa passa por alterações e é reencaminhada para a Câmara dos Vereadores
Projeto proposto pela prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho (PDT), tem prevista a extinção de quatro secretarias, uma chefia de gabinete e uma autarquia. Reforma administrativa passa por alterações e é reencaminhada para a Câmara dos Vereadores Divulgação A Prefeitura de Sorocaba (SP) reenviou o projeto da reforma administrativa para a Câmara de Vereadores. O documento precisou passar por alterações já que algumas informações foram contestadas pelos parlamentares. Um dos problemas no projeto original apontado pelo presidente do Legislativo, Fernando Dini (MDB), foi o impacto financeiro. Segundo ele, a economia prevista de R$ 3 milhões - que causaria a extinção de quatro secretarias, uma chefia de gabinete e uma autarquia - não é real no projeto apresentado. A reforma administrativa foi anunciada na semana passada pela prefeita Jaqueline Coutinho com a promessa de reduzir custos. Segundo a prefeitura, a principal mudança em relação ao projeto anterior está na adequação do impacto financeiro gerado quanto às gratificações dos cargos de provimento exclusivo por servidores públicos municipais, que passam a ter valores fixos e não mais vinculadas aos pisos salarias. Outra mudança está na redução de 13 para 8 a criação dos cargos de diretores de área. Além disso, a proposta também prevê a alterações nas estruturas de outras secretarias, que passarão a receber outras denominações. Ainda de acordo com o Executivo, o projeto também prevê que sejam criadas funções gratificadas, de provimento exclusivo por servidores públicos municipais, como forma de valorização da carreira. Veja mais notícias da região no G1 Sorocaba e Jundiaí
Veja Mais

05/12 - Acusado de matar homem durante discussão por farol alto em posto de combustível se entrega à Justiça após obter habeas corpus em MT
Ele vai cumprir medidas restritivas, como o uso de tornozeleira eletrônica. Maroan Fernandes Haidar Ahmed Divulgação Acusado de matar um cliente de uma conveniência em um posto de combustível em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, em novembro de 2018 durante uma discussão por farol alto, Maroan Fernandes Haidar Ahmed se apresentou à Justiça na terça-feira (3) após conseguir um habeas corpus junto ao Tribunal de Justiça que lhe garantiu a liberdade. Ele vai cumprir medidas restritivas, como o uso de tornozeleira eletrônica. A defesa de Maroan argumentou à Justiça que o resultado da perícia papiloscópica apontou que as digitais encontradas nas garrafas de água que estavam no carro, supostamente conduzido pelo acusado na ocasião do crime, não convergem com as dele. Ainda conforme o advogado, não convergem com as digitais dele aquelas encontradas na capa do volante do veículo. Na decisão de primeira instância, o juiz declarou que Maroan 'demonstra menosprezo e deboche das forças policiais e da Justiça, uma vez que publicou em uma de suas redes sociais fotos falsas com o intuito de obstar a sua localização e conseguinte prisão'. Foragido, o jovem chegou a postar fotos de praia e outra foto com um prato de camarão em um restaurante com franquia pelo nordeste. Em janeiro deste ano, postou fotos de uma praia na internet. Fábio Batista da Silva, de 41 anos, foi morto a tiros em Rondonópolis Reprodução O crime foi registrado em novembro do ano passado durante uma discussão por farol alto. O cliente, Fábio Batista da Silva, de 41 anos, morreu no local. Em uma das fotos - que ficam disponíveis por 24 horas -, Maroan mostra uma paisagem dentro de um barco com comidas e bebidas. Na outra publicação, o jovem fotografou um prato de camarão em um restaurante com franquia pelo nordeste. O crime Vídeo mostra momento em que cliente é assassinado em conveniência Um vídeo gravado pelas câmeras de monitoramento do estabelecimento mostra o momento em que é vítima é atingida pelos disparos. Nas imagens, é possível ver o motorista chegando no estabelecimento com uma caminhonete e parando o veículo perto das mesas usadas pelos clientes. Em seguida, um funcionário da conveniência vai até a caminhonete e atende o motorista, que não desliga o carro e permanece no veículo com ele ligado. Enquanto isso, alguns clientes reclamam da luz e fazem sinais para o motorista. Logo depois, a vítima se levanta, vai até a caminhonete e bate no capô pedindo que o motorista desligue a luz. Ele faz sinais e, em seguida, quando caminha de volta para a mesa é atingido por um disparo e cai no chão. De acordo com o boletim de ocorrência, Fábio foi encontrado morto no local. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou o óbito.
Veja Mais

05/12 - Fachin dá dez dias para Witzel explicar política de segurança pública no Rio
Pedido de esclarecimentos foi feito em ação apresentada ao STF pelo PSB, que criticou medidas do governador. Na ação, partido pediu medidas como um plano para reduzir a letalidade policial. O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu prazo de dez dias para o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), prestar esclarecimentos sobre a política de segurança pública no estado do Rio de Janeiro. A decisão é de quarta-feira (4). Nesta quinta (5), Fachin assinou as notificações ao governador, à Advocacia da União e à Procuradoria Geral da República, que também terão que opinar sobre a atuação do governo do Rio. O prazo começa a contar a partir do recebimento da notificação. O pedido de esclarecimentos foi feito em razão da ação apresentada pelo PSB no mês passado, na qual o partido pediu que fossem "reconhecidas e sanadas" graves lesões a direitos fundamentais praticadas pelo estado em razão da "excessiva e crescente letalidade da atuação policial". O PSB pede, entre outras coisas, que o estado realize um plano de redução de letalidade, que precisaria ser validado pelo STF. E que o governador do Rio seja impedido de manifestar qualquer incentivo ao aumento da violência policial. Na decisão que pediu informações, Fachin citou decisões do Supremo e posições da Organização das Nações Unidas (ONU) contrárias a execuções arbitrárias. E afirmou que os esclarecimentos são necessários para transparência da atuação do governo. "Antes do exame dos pedidos, impõe-se colher as competentes informações, não apenas para arrostar as alegações trazidas pelo requerente, mas também para que se dê transparência da atuação estatal. Em vista da gravidade dos fatos noticiados, ouça-se o Governador do Estado do Rio de Janeiro e a Procuradoria-Geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, ambos no prazo comum de 10 dias", decidiu o ministro. Depois, ele pediu que a Advocacia Geral da União e a Procuradoria Geral da República também se manifestem sobre o caso. Wilson Witzel lamenta morte de Ágatha e insiste na política de segurança do estado do Rio
Veja Mais

05/12 - Casos suspeitos de dengue crescem quase 67% na Paraíba, diz secretaria
Levantamento concluiu que 60% dos municípios paraibanos estão em situação de alerta. Fêmea do Aedes aegypti é responsável pela transmissão da febre amarela, dengue, chikungunya e zika vírus Pixabay/Divulgação A Paraíba registrou até o dia 26 de novembro deste ano 17.560 casos suspeitos de dengue. Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), nesta quinta-feira (5), o aumento é de 66,99% em comparação com o mesmo período de 2018, quando foram registrados 10.516 casos. As três doenças são consideradas arboviroses porque são provocadas pelo mosquito aedes aegypti. Também foram notificados 1.299 casos prováveis de chikungunya, enquanto em 2018 foram 958 casos. O aumento de contágio pela doença corresponde ao crescimento de 35,59%. No mesmo período foram notificados 391 casos de zika contra os 364 registrados no ano passado. O acréscimo foi de 7,42%. A SES informou que o município com a maior incidência das doenças é Teixeira, localizada no Sertão do estado. Já as cidades que concentram as maiores incidências por 100 mil habitantes são Lucena, João Pessoa, Caaporã, Princesa Isabel, Água Branca, Juru, Areia, Esperança e Alagoa Nova. Foram confirmados 14 mortes por arboviroses. Dez delas foram causadas pela dengue, três pela zika e um pela chinkugunya. Dos óbitos, 35 foram descartados e outros sete seguem em investigação. O boletim mostra também dados do Levantamento Rápido de Índices para Aedes Aegypti (LIRAa). O estudo concluiu que 134 municípios paraibanos, número que corresponde a 60,08% das cidades, estão em situação de alerta. Segundo a SES, a informação indica que o estado teve um ano de epidemia.
Veja Mais

05/12 - Banda do Exército faz show com músicas do cantor Roberto Carlos em shopping de Macapá
Evento será na sexta-feira (6) e dá início à programação especial de fim de ano da Rede Globo. Banda de música do 22º BIS, do Exército no Amapá 22º BIS/Divulgação Na sexta-feira (6) a praça de alimentação de um shopping na Rodovia JK, em Macapá, vai receber uma prévia do especial Roberto Carlos, exibido pela TV Globo no fim de ano. A apresentação é gratuita e será realizada pela banda de música da 22ª Brigada de Infantaria de Selva, Exército Brasileiro no Amapá. Erasmo Carlos e Roberto Carlos na gravação do especial que vai ao ar em 20 de dezembro Caio Girardi/Reprodução Facebook Roberto Carlos Divididos em dois momentos, o show terá canções de sucesso interpretadas na voz do cantor Roberto Carlos e também de artistas convidados do especial. O evento também lança a programação especial de fim de ano da Rede Globo (confira as datas no fim desta reportagem). Para receber o especial, a praça receberá uma decoração festiva. A banda é regida pelo sargento Israel e composta por cerca de 20 militares. A programação é organizada pela Rede Amazônica, em parceria com o Amapá Garden Shopping e o Exército Brasileiro. Grupo é formado por cerca de 20 militares 22º BIS/Divulgação Serviço Especial Roberto Carlos, com banda de música do 22º BIS Local: Praça de Alimentação do Amapá Garden Shopping (Rodovia JK) Hora: das 19h às 21h Entrada gratuita Especial de Fim de Ano da Rede Globo As programações são exibidas logo após a novela Amor de Mãe. 11 de dezembro (quarta-feira) Festeja Brasil 15 de dezembro (domingo) Sessão Especial de Filmes 18 de dezembro (quarta-feira) Especial Amigos 20 de dezembro (sexta-feira) Especial Roberto Carlos: Além do Horizonte 23 de dezembro (segunda-feira) Especial "A Gente Riu Assim" 24 de dezembro (terça-feira) Cinema Especial 25 de dezembro (quarta-feira) Especial "Juntos a Magia Acontece" 27 de dezembro (sexta-feira) Retrospectiva 2019 31 de dezembro (terça-feira) Show da Virada Para ler mais notícias do estado, acesse o G1 Amapá.
Veja Mais

05/12 - Quinta-feira, 5 de dezembro
Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado. Doria muda o tom, se diz chocado com agressões e anuncia que a PM vai rever o protocolo em operações como a do baile funk em Paraisópolis. E em outra comunidade, moradores se unem para criar o 'observatório da quebrada' após relatos de violência policial. Após 3 meses, Marinha diz não ter provas sobre responsáveis pelas manchas de óleo. Líderes do Mercosul se reúnem no RS. O pacote anticrime aprovado na Câmara aumenta pena máxima de prisão para 40 anos. O que os melhores países no ranking de educação têm em comum. E os Coringas da CCXP. Mudança de tom Governador de SP, João Doria, nesta quinta-feira (5) Robson Rocha/Agência F8/Estadão Conteúdo Diante de vídeos que mostram a truculência policial em bailes funk, o governador de SP, João Doria, mudou o tom e admitiu que vai rever a política de segurança da PM. Ele se disse 'muito chocado' com as agressões, e que falhas 'proporcionaram violência e uso desnecessário de força'. Na segunda-feira, logo após 9 jovens morrerem na saída de um pancadão em Paraisópolis, Doria havia afirmado que as mortes não foram provadas pela polícia. Em reunião com famílias das vítimas, o governador garantiu que as investigações serão concluídas. Mortes causadas pela PM de SP crescem em 2019, diz Ouvidoria É #FAKE que foto de garoto com colete à prova de balas seja de Paraisópolis 'Observatório da quebrada' Em Heliópolis, outra favela de SP onde flagrantes de violência policial foram registrados, moradores se unem para monitorar e denunciar as agressões. O 'Observatório da Quebrada' revela que 75% dos jovens já presenciaram truculência policial em bailes funk. De onde veio o óleo? Três meses após o aparecimento das primeiras manchas de óleo no litoral brasileiro, a Marinha informou que ainda não tem provas sobre os responsáveis pelo desastre ambiental. Uma investigação do governo e da PF apontou um navio grego como suspeito, mas outras 29 embarcações também foram notificadas. Cúpula do Mercosul Bolsonaro recebeu os presidentes da Argentina, Uruguai e Paraguai durante a cúpula do Mercosul, na Serra Gaúcha. O encontro marcou a transmissão da presidência temporária do grupo para o paraguaio Mario Abdo Benítez. Logo após a cerimônia, Bolsonaro brincou com Benítez e disse: 'Queria continuar presidente, não dá pra dar um golpe, não?'. Acordo eleva para 170 o nº de voos semanais entre Brasil e Argentina Bolsonaro pede revisão de tarifa externa em reunião do Mercosul Pacote anticrime A Câmara aprovou ontem o pacote anticrime, mas deixou de fora algumas das principais ideias do ministro Sérgio Moro, como a prisão em 2ª instância e o excludente de ilicitude, que livra de punição agentes que cometerem excessos durante o trabalho. Pelo projeto, que ainda será votado no Senado, a pena máxima de prisão aumentou de 30 anos para 40. Veja outros pontos aprovados. O diferencial Especialistas ouvidos pelo G1 apontam o que há em comum entre os países mais bem colocados no ranking de educação divulgado nesta semana. A valorização do professor e igualdade entre os alunos são pontos-chave para o bom desempenho do ensino. Enquanto em Macau (1º) o salário inicial dos professores chega a quase US$ 98 mil anuais, no Brasil, não chega a US$ 14 mil. Violência no Rio Bunitinho era conhecido entre os torcedores do Flamengo e famoso por protagonizar memes Reprodução/ Redes sociais O comediante Diego Buiu, conhecido e famoso na internet como ‘Bunitinho’, morreu após um tiroteio entre traficantes e policiais na Ilha do Governador, no Rio. Outras três pessoas foram achadas mortas. Um vídeo mostra a troca de tiros. O melhor Coringa Fãs fantasiados de Coringa na CCXP em São Paulo Reprodução/G1 Em ano de filme com vilão como protagonista, quem é Coringa é rei. E o personagem da DC Comics tomou o pavilhão da CCXP, que começou hoje em SP com o melhor da cultura pop. O G1 ouviu os fãs fantasiados e quis saber: quem é melhor na atuação, Joaquin Phoenix ou Heath Ledger? Veja aqui. Fã se prepara para 'batalha' ao posar na Comic Con Experience 2019 Marcelo Brandt/G1 Confira fotos da feira de cultura pop e dos visitantes do evento Ainda tem Margot Robbie hoje; veja a programação Também teve isso... Juiz manda Flamengo pagar R$ 10 mil de pensão a famílias de mortos em incêndio Eduardo Bolsonaro é destituído da presidência do PSL em SP Maia recria comissão para discutir projeto Escola Sem Partido De uma só vez, Brasil concede refúgio a 21 mil venezuelanos Protestos contra reformas na França reúnem mais de 800 mil Perito judicial preso no RJ tinha vida de luxo, diz MPF Pai de deputado, servidor da Alerj tira 3 meses seguidos de férias TV Globo vence Caboré de melhor veículo de comunicação Globo vence Prêmio Caboré
Veja Mais

05/12 - Motorista perde o controle e atinge poste de iluminação na divisa entre Santos e São Vicente
Duas pessoas ficaram levemente feridas no acidente que aconteceu no fim da tarde detsa quinta-feira (5) na pista sentido São Vicente. Motoristas encontram trânsito lento no trecho. Acidente na divisa entre Santos (SP) e São Vicente (SP) derruba poste e causa lentidão G1 Santos Um acidente na divisa entre Santos e São Vicente, no litoral de São Paulo, derrubou um poste de iluminação e causa lentidão na pista sentido São Vicente na noite desta quinta-feira (5). De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), duas pessoas ficaram levemente feridas. O acidente aconteceu na Avenida Presidente Wilson e, segundo a CET, o motorista do carro envolvido no acidente perdeu o controle, subiu no canteiro central e derrubou um poste e uma palmeira. Duas pessoas ficaram levemente feridas e aguardam socorro dentro do automóvel. O trânsito na pista sentido São Vicente está lento devido à interdição de duas faixas da esquerda por causa dos destroços.
Veja Mais

05/12 - Paraná tem 36 cidades com casos confirmados de sarampo, diz Saúde
Quatro municípios confirmaram o primeiro diagnóstico da doença do ano nesta semana, segundo a Sesa. Boletim foi divulgado na tarde desta quinta-feira (5). Paraná confirmou 59 casos da doença nesta semana, segundo o boletim Daniel Castellano/SMCS O Paraná tem 36 cidades com diagnósticos de sarampo, segundo a Secretaria Estadual de Saúde do Paraná (Sesa). Quatro municípios integraram a lista de diagnóstico da doença nesta semana, conforme boletim divulgado nesta quinta-feira (5). Quitandinha e Rio Negro, na Região Metropolitana de Curitiba, São Mateus do Sul, no sul do estado, e Marechal Cândido Rondon, no oeste, são as cidades que tiveram o primeiro caso confirmado na semana. Ao todo, 59 novos casos de sarampo foram confirmados em todo estado. A maior parte dos diagnósticos foi feita em Curitiba, segundo a Sesa. Desde o início do ano, o Paraná registrou 538 casos de sarampo. 63% dos diagnósticos foram feitos em Curitiba, conforme o boletim. Veja a lista abaixo. Casos por município Curitiba: 339 casos Colombo: 36 casos Pinhais: 23 casos São José dos Pinhais: 18 casos Campo Largo e Piraquara: 14 casos Almirante Tamandaré: 11 casos União da Vitória: 9 casos Londrina: 8 casos Rio Branco do Sul, Carlópolis e Jacarezinho: 6 casos Irati: 5 casos Araucária, Campina Grande do Sul e Fazenda Rio Grande: 4 casos Campo do Tenente, Paula Freitas e Maringá: 3 casos Balsa Nova, Campo Magro, Lapa, Quatro Barras e Castro: 2 casos Itaperuçu, Mandirituba, Quitandinha, Rio Negro, Ponta Grossa, Cruz Machado, General Carneiro, São Mateus do Sul, Rolândia, Marechal Cândido Rondon, Toledo e Matinhos: 1 caso Vacinação A vacina contra o sarampo é disponibilizada em salas de vacina do estado gratuitamente. Para receber a dose, baste ir até o local até uma unidade de saúde, preferencialmente com a carteira de vacinação. Saiba mais sobre o sarampo Arte/G1
Veja Mais

05/12 - Carro capota e deixa três feridos em rodovia de Tatuí
Segundo a Polícia Rodoviária, motorista perdeu o controle do veículo e capotou. Vítimas foram socorridas com ferimentos leves. Três pessoas ficaram feridas em um capotamento na Rodovia Castello Branco, em Tatuí (SP), na tarde desta quinta-feira (5). Segundo as informações da Polícia Militar Rodoviária, o motorista perdeu o controle do veículo e capotou. Ainda segundo a PM, três pessoas que estavam no carro ficaram levemente feridas e foram socorridas e encaminhadas à Santa Casa de Tatuí. Veja mais notícias no G1 Itapetininga e Região
Veja Mais

05/12 - VÍDEOS: NE2 de quinta-feira, 5 de dezembro
Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de Pernambuco. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias de Pernambuco.
Veja Mais

05/12 - Sarampo causou 140 mil mortes no mundo em 2018, diz OMS
Dados da organização mostram que surtos em áreas com baixa cobertura vacinal fizeram com que o número de mortes fosse 15% maior do que no ano anterior. Servidores da Secretaria de Saúde do Distrito Federal aplicam vacina contra o sarampo Breno Esaki/Saúde-DF Depois de décadas de grandes progressos, a luta contra o sarampo está estagnando e o número de mortes voltou a aumentar em 2018, alertou nesta quinta-feira (5) a Organização Mundial da Saúde (OMS). No total, 142 mil pessoas morreram de sarampo no mundo em 2018. A cifra é quatro vezes menor do que em 2000, mas 15% maior do que em 2017. A maioria das mortes ocorre em crianças. Campanha de vacinação contra o sarampo tem segunda fase em todo o Brasil O sarampo é um vírus muito contagioso, que pode permanecer em um quarto até duas horas depois de que uma pessoa infectada tenha falecido. Ressurgiu com epidemias nos cinco continentes desde 2018, sobretudo, em cidades ou vizinhanças com baixos níveis de vacinação. Em 2019, quase 12 mil pessoas tiveram sarampo no Brasil, principalmente jovens. Antes considerado um país livre do sarampo, o Brasil perdeu o certificado de eliminação da doença concedido pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) em fevereiro deste ano, após registrar mais de 10 mil casos em 2018. O surto aconteceu principalmente nos estados de Amazonas e Roraima. Sarampo é uma doença altamente transmissível Surtos pelo mundo As pequenas ilhas da Samoa, no Pacífico Sul, atualmente lutam contra uma epidemia de sarampo. Foram 62 mortes desde outubro, quase todas entre crianças menores de quatro anos. As autoridades cortaram o acesso ao arquipélago e lançaram uma campanha de vacinação nesta quinta-feira (5). Cinco países concentraram quase metade dos casos em 2018: República Democrática do Congo (RDC), Libéria, Madagascar, Somália e Ucrânia, segundo um informe publicado pelos Centros para o Controle e a Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos. Nos países ricos, o sarampo mata pouco, ou nada. Na RDC, porém, esse vírus matou o dobro do que o do perigoso vírus ebola, com mais de 5 mil mortes neste ano. O vírus se propaga com facilidade. Israel importou uma centena de casos de outros países, como Filipinas e Ucrânia. De lá, alguns viajantes infectados transmitiram a doença aos bairros judeus de Nova York e contribuíram para a maior epidemia dos Estados Unidos desde 1992. "Todos sabem que existe uma vacina segura e eficaz contra o sarampo em todos os lugares há 50 anos", disse Kate O'Brien, diretora de imunização da OMS. "Realmente é um fracasso coletivo viver esses surtos", completou. Sarampo: saiba mais sobre Arte/G1
Veja Mais

05/12 - Rapaz investigado por duplo homicídio é preso em Araçuaí
Ainda de acordo com a Polícia Civil, no dia do crime um adolescente também ficou ferido. Criança que estava na casa onde vítimas foram baleadas se escondeu atrás de sofá. Operação foi feita em conjunto pelas Polícias Civil e Militar Polícia Civil / Divulgação As Polícias Civil e Militar prenderam um rapaz de 22 anos investigado por um duplo homicídio e uma tentativa de homicídio em Araçuaí (MG). O crime aconteceu em outubro deste ano e a prisão foi feita nesta quinta-feira (5). O delegado Geovane Klipel explica que três homens armados e encapuzados entraram em uma casa e atiraram várias vezes, acertando as vítimas. Assustada, uma criança de oito anos que estava no local se escondeu atrás de um sofá. As investigações apontam que os criminosos agiram por motivação passional. A Polícia Civil ainda acredita que os delitos tenham relação com o tráfico de drogas, um dos homens assassinados tinha passagem por esse crime. “O investigado foi preso em casa e apreendemos também uma arma escondida dentro de uma cômoda e que pode ter sido usada para cometer crimes. Ele tem passagens por furto, roubo, ameaça e porte de arma. É também suspeito de outro homicídio”, fala o delegado. O histórico criminal do rapaz começou quando ele ainda era menor de idade. Além da prisão desta quinta, Geovane Klipel que outro homem, de 26 anos, também foi detido dias antes. Ele já responde por outro homicídio. Os dois permanecem no Presídio de Araçuaí. A Polícia Civil trabalha para identificar o terceiro envolvido nos crimes. Veja mais notícias da região em G1 Grande Minas.
Veja Mais